Feeds:
Posts
Comentários

Archive for junho \12\America/Sao_Paulo 2010

Tua

 

 

Éter

 

na

 

mente

 

 

Read Full Post »

Desamanhecer

 

 

Cada manhã

que chega com a falta

do beijo de bom dia

a cada manhã

 

Cada manhã

me oxido

por essa ausência

a cada manhã

 

É quando um pouco morro

um pouco me perco

e de resto me exilo

a cada manhã

 

 

Read Full Post »

Sincronia

 

 

Quando o que vejo é amor

não há o que sincronize

o pulsar do meu coração

 

Uma orquestra completa

é nada

perto desse compasso descompassado

que cria pernas

a querer saltar pela boca

 

Aquieta-te, criança –digo

mas ela é elétrica

brinca de uma coisa

para

e já começa outra

fonte inesgotável de energia

emoção, alegria

 

Arrepia-me os pelos

rouba-me a voz

e complacente

condescendente

deixa-se no sorriso

que se desenha em meus lábios

em meus olhos

 

Quando o que vejo é amor

não há o que sincronize

o meu raciocínio

me perco, me acho

mas não me acho

acho que me perco

 

 

 

 

 

Read Full Post »

Ternura

 

Ultimamente minha alma tem fugido de mim
corre para ti

 

Não para atirar-se em teus braços
beijar tua boca
colar-se ao teu corpo

 

Simplesmente fugindo de mim
corre para ti

 

E mesmo que te encontre
triste e ferido
quer embalá-lo nos braços
quer cantar a mais suave canção
para que possas acreditar
que ainda há ternura

 

Que os homens não são feitos apenas de barro
engrenagens de ferro
e estupidez

 

Minha alma fugidia
quer acariciar teu rosto
beijar teus olhos
até que durmas e sonhes
para  que depois acordes e sintas
que falar de amor ainda é possível
sentir emoções ainda é possível

 

Ainda é possível mostrar-se
sem que alguém faça de ti
ave branca e frágil
de mira de alvo

 

Ainda é possível abrir a camisa ao vento
molhar-se em uma chuva imprevista
como imprevisto é o sol
e a vontade de viver

 

Mas minha alma quando foge
não te encontra
não descobre teu esconderijo

 

São dois a vagar na hora última
tu, escondido atrás de tua dor
minha alma, atrás de ti
porque é para ti
somente para ti
esta ternura

 

 

Read Full Post »

« Newer Posts