Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘piano’

Ao Entardecer

rosa e piano

 

 

No dedilhar das teclas do piano

te encontro criança

te encontro mulher

 

Trazes junto com os sons

vozes ausentes

mas nunca esquecidas

 

Trazes momentos que mostram,

como espelhos,

a infância vivida a cada instante

e que hoje chama-se lembrança

 

Mostras a mulher que descobriu a si mesma

que se entregou a cada sentido

a cada carinho

à descoberta de que a vida não é

apenas uma rosa, como tu,

mas que os espinhos existem

para que a dor não chegue ainda mais perto

 

Trazes passado e presente de mãos dadas

como crianças

a brincarem de roda em uma tarde de sol

na calçada de um lugar

que ainda mora dentro de ti

 

No dedilhar das teclas

a mágica de ser

e sonhar

 para minha irmã Rosa

 

Anúncios

Read Full Post »

 

 

Estavas aqui todo o tempo.

Mas tua dor imensurável não te deixou vislumbrar a lua.

Nem as estrelas.

Nem a mim sentada ao piano, tentando tirar das notas uma pausa, mesmo que em semibreves, que te fizesse respirar, para aspirar o perfume da noite.

 

Estavas aqui todo o tempo.

Acalentado pelo silêncio divino daqueles que estão neste mundo por descuido.

Mas tua dor, maior que qualquer possibilidade de discernimento, povoava teus movimentos, teus pensamentos, tua vontade.

De estar de volta, de ser mortal, de se despojar da distância imposta aos deuses.

Por um dia que fosse, ainda que por um momento ao menos. 

 

Estavas aqui todo o tempo.

E eu nada pude dizer ou fazer.

Apenas pude chorar e vislumbrar teu vulto solitário a reluzir ao luar.

E as teclas do piano, tocadas por dedos robóticos, repetiam apenas as notas semínimas, incessantes, a confirmar minha condição.

 

Até o sol surgir e tu não mais estar.

 

 

Read Full Post »