Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘segredo’

livro antigo

 

 

Encontrei

na ponta do guardanapo

além de teu perfume

a marca de tua boca

a sorrir-me chocolate

 

Procurei no aroma daquela tarde

alaranjada de outono

o brilho de teus olhos

o de reconhecimento

o de desejo

 

Resvalando o guardanapo em meu rosto

pressenti o toque

de tuas mãos em um carinho

que ainda não me fizestes

mas que paira suspenso no ar 

à espera apenas de tua vontade

apenas isto

 

Foi quando senti teu abraço

como um laço

a abrigar-me das coisas

que de mim não fazem parte

 

Beijei tua boca de chocolate

e naquele guardanapo

também deixei minha marca

como um sussurro

um segredo

 

Guardei-o entre as páginas

de um livro de mágicas

teu nome

meu nome

uma data

 

Desde então lá estamos

ora conversando

ora adormecidos

 

 

 

Read Full Post »

Segredo

casal 1

 

 

 

Guardo-te em mim

serenamente

com a certeza

de que faço de meu coração

teu abrigo permanente

 

Aqui podes tudo

ancorar, alçar vôos sem fim

ou ficar em repouso

mesmo quando morres um pouco

em momentos de escuridão

 

Quando a noite chega, cativo

essa criança que brincou o dia,

afagando teus cabelos, pele macia

beijo de boa noite

que pela madrugada se estenderá

 

Vais reconhecendo aos poucos meus recantos

que vibram com tua magia

fazes de meu corpo tua plenitude

tuas descobertas, meus anseios

 

Não preciso dizer teu nome

meu segredo

para quê?

se estás tão bem assim

guardado em mim

.

.

Read Full Post »

Amo-te

Quero segredar-te o mais íntimo

de minha alma

para o teu olhar

para tuas palavras macias

 

Quero transbordar-me

em tua boca

em um único beijo

minha plenitude

minha eternidade

 

Quero tocar-te fundo

e sempre

com sede de reconhecimento

e de reencontro

 

Quero roubar um gemido da tua pele

um prazer do teu olfato

uma marca do teu riso

um sussurro da tua dor

 

Quero sentir teu corpo dissolvendo-se

em todo o calor do meu corpo

e em meus braços,

em lágrimas

e alívio

 

Mas como te amo

somente por isso

prefiro-te liberto

como uma ave em rumo pleno

como um oceano a correr rios

como uma aurora saciada de luz e calor

 

Ainda que fora do alcance de minhas mãos

 

Read Full Post »